segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Atletas da ACORLAF na Corrida Camilo dos Santos em Juiz de Fora

Apuração dos atletas da ACORLAF em J. Fora na corrida Camilo dos Santos: 
CAMILO DOS SANTOS - JF - 18 - 09 - 2016 - 8,8 KM 635 M 
NOME TEMPO GERAL F ET
JARDEL FELIZBERTO 3926 172 26
PAULO BORGES 4427 299 45
FABRICIO JACKSON 5233 477 73
ANDRE LUIZ TIBITA 3121 36 4

segunda-feira, 8 de agosto de 2016

XIII Corrida Rústica da Cachoeira em fotos

A Acorlaf promoveu a XIII edição da Corrida Rústica do Bairro Cachoeira, o atleta Jefferson Corrêa foi o homenageado desta edição, confira abaixo algumas fotos da prova.





















Mais fotos clique aqui

segunda-feira, 1 de agosto de 2016

XIII Corrida Rústica do Bairro Cachoeira

Vem ai mais um corrida no Bairro Cachoeira, neste ano o homenageado será o grande campeão Jeferson de Sousa Corrêa

quinta-feira, 28 de julho de 2016

sexta-feira, 22 de julho de 2016

Marilson pretende se despedir das corridas nas olimpíadas do Rio



O dia 21 de agosto será uma data histórica para o esporte brasileiro. Além de ser o encerramento da primeira olimpíada no País, marcará a despedida oficial de Marilson Gomes dos Santos das corridas. O principal corredor do Brasil na atualidade disputa a maratona olímpica no Rio e espera uma grande atuação, antes da aposentadoria. O objetivo é melhorar o resultado dos Jogos de Londres, onde foi o quinto colocado.


O bicampeão da emblemática Maratona de Nova Iorque e dono de inúmeras conquistas, inclusive o hexa nos 10 KM Tribuna FM, não esconde a ansiedade para sua última grande disputa. Espero fazer uma grande prova e representar o País da melhor maneira possível”, afirma o atleta, destacando como grande dificuldade os rivais do continente africano. A expectativa é pelo equilíbrio durante a disputa.

“É duro. A maratona olímpica é muito mais difícil do que as outras. O nível tende a dar uma equilibrada. Espero que não esteja muito rápida e que possa ter a chance de brigar pelas primeiras colocações, melhorar meu resultado da última olimpíada”, comenta. “Estou treinando normalmente, fazendo o que tenho de fazer. Não estou sentindo nenhum tipo de lesão, o que é o mais importante. Dando sequência no trabalho”, acrescenta.

O fator “casa” também pode ser seu aliado na busca pela medalha. “Principalmente na maratona, que tem momentos que passamos por certas dificuldades e esse apoio moral, que vem de fora, incentivando, torcendo, faz a diferença. E tenho certeza de que o brasileiro vai dar conta do recado, apoiar”, diz Marilson, reforçando a sua decisão de encerrar a carreira nesta prova.

“É definitiva. É a minha última prova. Vou dar o máximo que eu puder e espero fazer uma grande competição. O que depender de mim, vou com toda a garra possível”, crava o corredor, que ainda na Olimpíada quer acompanhar de perto a sua esposa, Juliana dos Santos, nos 3000 metros com obstáculos. “Como ela vai competir logo nos primeiros dias e minha prova é a última, vamos nos apoiar”, conta.

SANTOS – Em sua trajetória vitoriosa, Marilson tem um carinho especial pelos 10 KM Tribuna FM. “Foi a prova que eu comecei a aparecer no atletismo a nível nacional mesmo. Foi a primeira prova. Eu lembro que fui terceiro colocado naquela ocasião e pensei: Opa! Estou chegando”, destaca, lembrando de sua estreia, em 2000. “E comecei a dar o meu recado”, ressalta o atleta, pódio em dez edições, com seis títulos e até mesmo recorde.

“Tenho carinho especial pela prova, pelas pessoas de Santos. Afinal, a Juliana é de Cubatão, é da Baixada Santista. Sempre que eu podia participar, fazia questão de estar. Porque é uma prova muito bem organizada, muito legal, as pessoas na rua. É uma corrida que se aproxima muito das que temos nos EUA. Sempre gostei de correr, pela organização, por tudo eu a prova oferece e pelas pessoas na torcida”, elogia.

O comparativo com a Maratona de Nova Iorque pela participação popular enfatiza ainda mais a força da prova em Santos. “Tem alguma coisa a mais. Não sou eu só que falo isso. É a opinião de todos. O percurso é muito bom”, enaltece Marilson, acreditando que no futuro a família deva estar novamente representada. “Vamos ver quando a Juliana vai poder fazer a estreia. Já está correndo 5 mil. Antes era 800 e 1.500. Expectativa é que faça provas de rua e queremos que ela participe, por ser da Baixada. Seria a prova ideal”, completa.

FONTE: Divulgação

sexta-feira, 8 de julho de 2016

Nossa seleção Brasileira nas Olimpíadas 2016

Anúncio da convocação da seleção olímpica (Wagner Carmo/CBAt)

03|07|2016 - 16:26 | Assessoria de Imprensa da Confederação Brasileira de Atletismo

São Bernardo do Campo - Depois da disputa do Troféu Brasil Caixa de Atletismo, encerrado no início da tarde deste domingo (dia 3), na Arena Caixa, em São Bernardo do Campo (SP), a Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) divulgou a lista dos 66 atletas convocados para os Jogos Olímpicos do Rio 2016. Serão 36 homens e 30 mulheres na maior delegação da história.

"Conseguimos o nosso primeiro objetivo, que era qualificar o maior número possível de atletas. Vamos continuar trabalhando para preparar da melhor maneira possível os atletas para a Olimpíada", disse Antonio Carlos Gomes, superintendente de Alto Rendimento da CBAt. "Outra vitória, com a parceria do Comitê Olímpico do Brasil (COB), foi inscrever 11 oficiais técnicos", comentou.

O maior número de atletas que já participaram de uma Olimpíada ocorreu em 1996, em Atlanta, quando o Brasil levou 42 representantes.

O presidente da CBAt José Antonio Martins Fernandes disse que apoia de todas as formas os atletas, inclusive atendendo os pedido de seus treinadores pessoais. "Isso permitiu que formássemos agora a nossa maior seleção olímpica", comentou.

Adriana Behar, representante do COB, participou da entrevista coletiva da divulgação da delegação olímpica, feita na Arena Caixa, local da disputa do Troféu Brasil. A tabulação foi feita no estádio e a novidade foi o fechamento dos integrantes dos revezamentos masculinos e femininos dos 4x100 e dos 4x400 m.

Os atletas convocados

Masculino

Vitor Hugo dos Santos (BM&FBovespa) - 100 m - 200 m - 4x100 m
Aldemir Gomes Junior (Vasco da Gama) - 200 m - 4x100 m
Jorge Henrique Vides (Brasil Foods/ILF) - 200 m - 4x100 m
Bruno Lins (CT Piauí) - 200 m (R) - 4x100 m
José Carlos Moreira (CT Piauí) - 4x100 m
Ricardo Mário de Souza (BM&FBovespa - 4x100 m
Hederson Estefani (Pinheiros) - 400 m - 400 m com barreiras - 4x400 m
Pedro Burmann (Sogipa) - 4x400 m
Hugo Balduino (BM&FBovespa) - 4x400 m
Peterson dos Santos (Pinheiros) 4x400 m
Lucas da Silva Carvalho (Orcampi Unimed) - 4x400 m
Alexander Russo (BM&FBovespa) - 4x400 m
Lutimar Paes (BM&FBovespa) - 800 m
Kleberson Davide (Pinheiros) - 800 m
Thiago André (BM&FBovespa) - 1.500 m 
João Vitor de Oliveira (Pinheiros) - 110 m c/barreiras
Eder Souza (Orcampi Unimed) - 110 m c/barreiras
Mahau Suguimati (GR Barueri) - 400 m c/barreiras
Marcio Teles (Orcampi Unimed) - 400 m com barreiras
Altobeli Silva (ASA São Bernardo) - 3.000 m c/obstáculos 
Talles Frederico Silva (Pinheiros) - salto em altura
Higor Silva Alves (GR Barueri) - salto em distância
Thiago Braz (Orcampi Unimed) - salto com vara 
Augusto Dutra de Oliveira (BM&FBovespa) - salto com vara
Darlan Romani (BM&FBovespa)- arremesso do peso
Wagner Domingos (BM&FBovespa) - lançamento do martelo
Julio Cesar de Oliveira (BM&FBovespa) - lançamento do dardo
Luiz Alberto de Araújo (BM&FBovespa) - decatlo
Caio Bonfim (CASO) - 20 km marcha - 50 km marcha
José Alessandro Bagio (AABLU) - 20 km marcha
Moacir Zimmermann (AABLU) - 20 km marcha
Jonathan Rieckman (AABLU) - 50 km marcha
Mário José dos Santos (BM&FBovespa) - 50 km marcha
Marilson Gomes dos Santos (BM&FBovespa) - maratona
Paulo Roberto de Almeida (LUASA) - maratona 
Solonei Rocha da Silva (Orcampi Unimed) - maratona 

Feminino

Rosangela Santos (Pinheiros) - 100 m - 200 m - 4x100 m
Ana Claudia Lemos - 100 m - 200 m (R) - 4x100 m
Franciela Krasucki (Pinheiros) - 100 m - 4x100 m
Vitória Cristina Rosa (EMFCA) - 200 m - 4x100 m
Kauiza Venâncio (Pinheiros) - 200 m - 4x100 m 
Bruna Farias (Pinheiros) - 4x100 m
Geisa Coutinho (Orcampi Unimed) - 400 m - 4x400 m
Jailma Lima (BM&FBovespa) - 400 m - 4x400 m
Tabata Vitorino (AA Maringá) - 4x400 m
Letícia Cherpe de Souza (BM&FBovespa) - 4x400 m
Joelma das Neves Sousa (Pinheirosw) - 4x400 m
Cristiane dos Santos Silva (APAAB) - 4x400 m
Flavia Maria de Lima (ASA São Bernardo) - 800 m
Tatiele Roberto de Carvalho (Orcampi Unimed) - 10.000 m
Fabiana Moraes (Pinheiros) - 100 m c/barreiras
Maila Paula Machado (EC Rezende) - 100 m c/barreiras
Juliana Paula dos Santos (BM&FBovespa) - 3.000 m c/obstáculos 
Fabiana Murer (BM&FBovespa) - salto com vara
Joana Ribeiro da Costa (Pinheiros) - salto com vara
Keila Costa (BM&FBovespa) - salto em distância - salto triplo
Eliane Martins (Pinheiros) - salto em distância
Nubia Aparecida Soares (BM&FBovespa) - salto triplo
Geisa Arcanjo (Pinheiros) - arremesso do peso 
Andressa Morais (Pinheiros) - lançamento do disco
Fernanda Borges (BM&FBovespa) - lançamento do disco
Erica Rocha de Sena (Orcampi Unimed) - 20 km marcha 
Cisiane Dutra Lopes (AASD) - 20 km marcha 
Adriana Aparecida da Silva (Pinheiros) - maratona 
Marily dos Santos (Veteranos) - maratona
Graciete Moreira Santana (Cruzeiro/Caixa) - maratona

Comissão técnica

Chefe - Warlindo Carneiro da Silva Filho
Treinador chefe - Ricardo DAngelo
Treinadores - Adauto Domingues, Carlos Cavalheiro, Clodoaldo do Carmo, Edmar Santos, Elson Miranda, Evandro Lazari, João Sena, João Paulo Alves da Cunha, Neilton Moura, Rogério do Carmo, Vitaly Petrov.
Médico - Warlindo Carneiro Neto
Fisioterapeutas - Rodrigo Iglesias e Marco Vitullo
Massoterapeuta - Jorge Antonio Lima

São Silvestre 2016, inscrições abertas


Inscrições para a 92ª Corrida de São Silvestre custará R$ 160,00
O ano esportivo nacional em 2016 terminará da melhor maneira possível. No dia 31 de dezembro acontecerá a 92ª Corrida Internacional de São Silvestre, a principal corrida de rua da América Latina. As inscrições para a prova, com 15 km por ruas e avenidas da capital paulista começaram nesta quinta-feira, dia 7 de julho, com término previsto para 30 de outubro. Se o limite de 30 mil corredores for atingido, as inscrições serão encerradas automaticamente, conforme regulamento. Os atletas interessados em participar poderão se inscrever pelo site www.saosilvestre.com.br.
O valor para o pelotão geral é R$ 160,00.

A retirada do kit e do chip acontecerá nos dias 27, 28 e 29 de dezembro das 9h às 19h, e no dia 30 de dezembro, das 9h às16h, no Ginásio Estadual Geraldo José de Almeida - Rua Manoel da Nóbrega, 1361, em São Paulo. O atleta deverá comparecer pessoalmente. Para retirada por terceiros, verificar o regulamento da prova no site oficial do evento.

A programação no dia da prova começará cedo. O pelotão de elite feminino terá sua largada às 8h40. Logo em seguida, às 9h, será a vez do pelotão de elite masculino, pelotão especial (masculino e feminino) e atletas em geral. Cadeirantes e atletas com deficiência terão seus horários definidos posteriormente.

O percurso de 15 km passa por alguns dos principais pontos turísticos da cidade de São Paulo, com largada na Avenida Paulista, altura da rua Frei Caneca, e chegada em frente ao prédio da Fundação Cásper Líbero.

Idealizada pelo jornalista Cásper Líbero no ano de 1924, a prova chega a sua 92ª edição sem interrupção. Ele foi realizada até mesmo durante a Revolução Constitucionalista de 1932 e a II Guerra Mundial.

Mais informações no site www.saosilvestre.com.br

3ª Corrida e Caminhada dos Trabalhadores - SINTRACC


3ª Corrida e Caminhada dos Trabalhadores
Premiação em dinheiro, percurso inédito e muita diversão!
Dia 04 de setembro de 2016
Vagas limitadas!